A grocery store company said it is not liable for an attorney who allegedly used the prospect of a visa to coerce a Chinese investor into handing over cash, according to a motion filed Monday in Manhattan federal court.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu